quarta-feira, 4 de março de 2015

Capoeira como correção da postura, por Cláudio Figueiredo (Mestre Cláudio)


COCORINHA

AU

PONTEIRA


Num momento em que a mídia de todo o mundo divulga um problema sério de saúde chamada OBESIDADE, percebemos o quanto pertinente é, abordarmos uma prática que muito contribui para a diminuição, ou quase que total eliminação dessa patologia, a CAPOEIRA

O alojamento das camadas de gordura são instaladas ou criadas de acordo com o mau funcionamento do organismo que, em virtude dos maus hábitos alimentares, somados à não estimulação dos órgãos responsáveis pela queima calórica e excreção dos sólidos e líquidos ingeridos, não expelimos suficientemente do nosso corpo o não aproveitado pelo nosso corpo, através das fezes, urina e suor.

A Atividade física entra como elemento fundamental na reconstrução da postura ideal, sem escoliose (desvio lateral da coluna vertebral), lordose (projeção do quadril para trás, também conhecido como bunda empinada) e a cifose cervical ou torácica (conhecida como corcunda), deformidades estas que influem significativamente no mau funcionamento orgânico do indivíduo.

Com base em pesquisas realizadas em Laboratórios de Exercícios Físicos (LABOFISE), foram avaliados alguns fatores que levam o indivíduo a não praticar assiduamente exercícios físicos: a preguiça, o desconforto, o deslocamento de casa para a academia ou clube, a falta de prazer durante a atividade, os exercícios repetitivos, a ginástica calixtênica, (comumente usada pelos militares de forma disciplinar) com muitas repetições, chegando a exaustão pelo débito de oxigênio (exercícios anaeróbicos).

A CAPOEIRA, através de sua biomecânica (forma anatômica de movimentar-se), nos mostra uma nova dinâmica corporal de forma lúdica e prazerosa, com seus cânticos e diálogos corporais que provocam um enfrentamento sem choque físico, que desafiam o limite corpóreo sem imposições calixtênicas, propondo, sem que o praticante perceba, toda uma reestruturação corporal.

Na prática da CAPOEIRA, várias qualidades físicas são desenvolvidas simultaneamente, tais como: flexibilidade, força muscular localizada e geral, equilíbrio estático e dinâmico (em movimento), arco-reflexo, velocidade de raciocínio, agilidade, destreza (lateralidade) e o mais interessante, de forma dançada, gingada, o que difere definitivamente de todas as artes marciais.
  
Poderíamos descrever uma enorme lista de movimentos que servem para realinhar a coluna vertebral e que praticados de forma correta, corrigem toda e qualquer patologia do indivíduo, salvo as que já estejam num estágio avançado de osteoporose por exemplo.



 Fundador da Escola de Capoeira Pôr do Sol dos Palmares, o professor de educação física e mestre de capoeira desenvolve há mais de 30 anos a formação de capoeiristas em todo o estado de Alagoas.
Postar um comentário