quarta-feira, 14 de março de 2012

A Escola Ideal, por Nega Gizza



Enfim, o ano começou. Um viva aos horários cravados, ao tempo curto, ao dia certo para tudo, às demandas profissionais, pessoais... Sem demagogia, hoje estou, muito mais que antes, concentrada nos compromissos que a vida me propõe. Comecei a trabalhar a volta à vida normal de forma lúdica com meus filhos, deixei um recado  com vários desenhos no quadro de avisos: "Sabtá e Javã,  boa volta às aulas! Compromisso, foco, determinação e resultado serão o nosso lema de 2012!"
Mas claro que, para tudo isso acontecer, eles precisam ser disciplinados e bem conduzidos em casa, e no espaço destinado ao aprendizado ter condições para obter uma boa educação escolar. Sei que pode parecer sonho, na realidade não temos estas ferramentas todas nas mãos, com certeza  o Brasil destina  pouco para os gastos com o setor do ensino. Isto é um fato que entristece, pois o governo gasta mais com um presidiário do que com  uma criança matriculada na rede pública.
Eu  sigo acreditando na prevenção. Se sonhamos com um país nos moldes dos mais desenvolvidos, com riquezas e com pessoas ricas, precisamos antes de tudo ter verba para a educação, ter histórias de pessoas bem sucedidas não só nos comerciais de TV, mas na vida real. O povo precisa também crer em si, querer o melhor, cobrar e acompanhar o desenvolvimento de retorno do dinheiro público investido por nós e administrados por eles. Os políticos precisam aprender a cuidar dos NOSSOS interesses, não somente dos deles. Como este ano é de eleição vale a reflexão pré-candidaturas.
Indo e vindo nas arrumações de roupas e material escolar da volta às aulas, cochilei e tive um sonho, sonhei que eu via ao chegar na escola pública um local lindo, com  estrutura para atender a necessidade de cada bairro, com professores educados e cheios de vontade de ensinar, diretoras  satisfeitas com a sua equipe e com o trabalho projetado, um salário plausível,  um orçamento com folga pra realizar o calendário de forma criativa a propor uma agenda produtiva na vidas dos atendidos. No meu sonho tinha a escola que precisamos e que nossos filhos merecem e que no Brasil ainda não temos.
Postar um comentário