domingo, 30 de outubro de 2011

V BIENAL INTERNCIONAL DO LIVRO DE ALAGOAS: I SEMINÁRIO AFRO-INTERNCIONAL - IKÁ WE ÌMÓ

A Leitura e o saber sobre o patrimônio cultural da África, das populações afrodescendentes no Brasil e da Diáspora. Foi realizado nas dependências do Auditório do Centro de Convenções do Estado de Alagoas, durante da V Bienal Internacional do Livro de Alagoas, no dia 28 de Outubro.
À princípio, internacional, mas por atraso no voo, os participantes internacionais ficaram em Recife/PE, não chegando a tempo para o evento. Mas, pergunto: Que falta fizeram? Nenhuma!
A Professora Arísia Barros, que organizou o evento através do projeto social RAÍZES DE ÁFRICAS, improvisou umas mesas pra lá de brasileiras..e melhor, eficiente! A Gestora Nacional do SENAI, Srª Loni Manica, fez abordagens importantíssimas sobre geração de emprego e renda. Tirou dúvidas dos participantes e foi muito aplaudida. Representantes de escolas píblicas, do cursos de SENAI e SESC, estiveram lá, também e recebem certificados de cursos anteriores promovidos pelo projeto social RAÍZES DE ÁFRICAS.
O Colégio Agnus, de Rio Largo, trouxe representantes para falar sobre a implantação em sua grade curricular da matéria Estudos Africanos. A FITS, através de sua Coordenadora da área de Serviço Social, Srª Silmara, fez uma brilhante palestra sobre o mesmo tema, apenas transferindo para o campo universitário, visto que a FITS é a única faculdade do estado de Alagoas a implantar e reconhecer a Lei 10.639/2003.
Ou seja, diante do número de participantes, do nível dos palestrantes, como Márcia Maria, representante das mulheres negras do Rio de Janeiro e Prof. Sheila, Professora Lucciana Fonseca, com seu livro "A ilha de Antônio e os heróis do Norte", que mais poderíamos esperar? Sucesso!
Professora Arísia Barros, mais uma vez, mostrou-se uma mulher de fibra, que não "deixa a peteca cair", sabe improvisar até em momentos de muita pressão.Ípatewó, Professora Arísia!

Postar um comentário